domingo, 3 de maio de 2009

Remuneração das agências


Como poderão ver aqui, já em 2007 tinha alertado e apontado soluções para um problema que parece só agora ser uma preocupação (aqui). A discussão está ainda centrada na publicidade, onde os investimentos são mais avultados, mas a seu tempo chegará ao mercado das RP.

Na altura, as minhas declarações e posições geraram alguma polémica no sector. Algo que as mais recentes medidas tomadas por multinacionais vêm agora dar-me razão.


Reitero que o paradigma de remuneração das agências de hoje terá de ser diferente do que era praticado há 3 ou 5 anos atrás. Ambas as partes (marcas e agências) terão de encontrar um equilíbrio saudável onde impere a justiça e a transparência.

3 comentários:

DC disse...

A notícia da APAN refere-se ao 'negócio' da publicidade.
Não discuto o facto de se poderem encontrar algumas novas formas de remuneração das RP's.
O que não me parece possível é estabelecer paralelos entre a actividade das RP's e a actividade da Publicidade.
cumprimentos
Domingas Carvalhosa

Renato Póvoas disse...

Cara Domingas,

Obrigado pelo seu comentário.

Bem sei que a notícia da APAN se refere ao sector da Pub. Fiz essa ressalva.

No entanto, considero que a remuneração das agências de RP deve estar indexada à performance e ao retorno gerado para os seus clientes.

Cumprimentos,
Renato Póvoas

Anónimo disse...

Olá Renato tudo bem?
Sou estudante de jornalismo e tenho que entrevistar um profissional de RP, gosto muito do seu blog e pensei em você. Será que você me concederia está entrevista? ( caso possa, me envie um e-mail para matheus-baldi@hotmail.com, que em seguida te envio as perguntas via e-mail).
Obrigado!